Na companhia da ‘Morte’..

Padrão

Esse é o ano do tigre. Entre guerras eu vou vivendo. Perdendo e ganhando eu sigo em frente. Sinto o gosto do sangue. É o meu sangue misturado ao do inimigo.

Esse ano..

Já ‘matei’ pessoas que achava que eram minhas amigas..
Já ‘matei’ pessoas que eu achei que ficariam pra sempre na minha vida…
Já ‘matei’ familiares por que perdi a confiança para sempre..
Já ‘matei’ relacionamentos..
Já ‘matei’ fatos do passado..
Já ‘matei’ pessoas do passado…
Já ‘matei’ sentimentos…

Já ‘matei’ situações…

Já ‘matei’ sensações… sonhos.. e a mim mesmo..

E eu sinto que ainda há muita ‘morte’ por vir, pois a lista só aumenta como uma praga que devasta uma plantação.

E é assim que vou celebrar o meu Beltane esse ano. Não com a energia do amor, mas da morte que me ronda, me cerca, e me abraça. Ela, que chega mansinha com seu hálito gélido, e suas palavras frias e agudas que penetram meu corpo.

E o ano está bom?

Sim, porque gatos caem de pé. E gatos tem sete vidas.

E eu descobri que, aqui, eu não posso contar com ninguém, porém,  com  algumas exceções. Com essa descoberta as ilusões também morreram. Mas, eu posso contar com quem está longe, e ainda sim, muito perto. Por isso, está valendo á pena.

E eu continuo..

..Na Companhia da ‘Morte’..

Anúncios

Sobre Vernon Kirke

Eu sou pagão e vivencio minha religião. Sou a parte de um todo. Sou único e complexo. Eu me completo, me basto e me satisfaço. Sou capaz de mudar de ideia como mudo de roupa. Amo na mesma intensidade com a que posso odiar. Gosto de amigos sinceros e amores intensos. Gosto do vento que anuncia a chuva, gosto do barulho da chuva e do ar melancólico que ela causa no ambiente. Gosto quando o vento embaralha meus sentimentos e confundi minhas ideias. Sonho e realizo muito. Escuto mil vezes a mesma música, danço na frente do espelho. Tenho medo do escuro. Choro fácil. Tenho sorrisos tímidos e olhares provocantes. Ás vezes acordo achando a vida desbotada, sem cor, e sinto-me apodrecer por dentro, nesses dias, tenho a certeza que meu coração parou e minha alma resolveu tirar férias, além de me encontrar vazio de pensamentos e sentimentos. Odeio injustiças, falta de caráter, ingratidão, traição e algumas pessoas que ocupam todo o seu tempo se metendo na vida dos outros. Gosto do perfume exalado por outros corpos, beijos lentos e abraços apertados. Estou sempre lendo. E a música já virou rotina na minha vida.

»

  1. Ravyn,

    Lembre-se de que junto com a morte vem o renascimento. E com essas mortes, vc reconstrói sua base, e agora ela tem força de verdade!

    E mesmo longe, estou perto se precisar! ^^

    Beijos!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s