Padrão

Por essas bandas os dias não estão passando rápidos demais, nem muito lentos. Mas, estão passando. E eu estou tentando aproveitá-los bem. O ano começou muito bom, com alguns deslizes, é claro, mas bem. Acontece o que tem que acontecer, embora a tentação de controlar tudo seja muito grande. Ás vezes bate um medo do amanhã, outras vezes não. E eu sempre tento lembrar que só tenho essa vida e que preciso vivê-la, chega de perder tempo. Eu tento. Confesso que algumas eu vezes eu não consigo, mas eu tentei.

Aquarianos são dramáticos, sentimentais, por mais livres que eles possam estar, sempre estarão presos as suas lembranças, aos fatos pelos quais passaram, as pessoas que foram importantes. Aquarianos sempre cultivam muitas lembranças, talvez como um modo de sabotar essa vontade de ser livre. Liberdade demais também cansa. É bom ter para onde voltar. É bom ter um local só seu. Eu tenho o meu mundinho particular. Guardo fotos, guardo entradas de cinemas e shows, guardo bilhetes e cartas, guardo carteiras de cigarro (de pessoas importantes, isso parece doido, eu sei), guardo tudo o que me toca, tudo o que me tocou, que faz parte da minha história, da minha vida. Quero um dia poder abrir uma caixa, e ter dentro dela toda a minha história, a história de décadas. Poder relembrar rostos, reviver sensações, encontrar pessoas nos meus pensamentos.

Esses dias, entre conversas no MSN e músicas aleatórias, eu pensei muito sobre isso. Sobre o passado sempre acessível por meio desses pequenos signos que eu coleciono. Enfim, eu ainda gosto disso. Talvez eu mude. Talvez não. Mas, enquanto eu ainda for assim, vou continuar juntando os pedacinhos da minha vida e colocando numa caixinha.

Photo by Suzy The Butcher – http://suzythebutcher.deviantart.com/art/nostalgia-102441478

Anúncios

Sobre Vernon Kirke

Eu sou pagão e vivencio minha religião. Sou a parte de um todo. Sou único e complexo. Eu me completo, me basto e me satisfaço. Sou capaz de mudar de ideia como mudo de roupa. Amo na mesma intensidade com a que posso odiar. Gosto de amigos sinceros e amores intensos. Gosto do vento que anuncia a chuva, gosto do barulho da chuva e do ar melancólico que ela causa no ambiente. Gosto quando o vento embaralha meus sentimentos e confundi minhas ideias. Sonho e realizo muito. Escuto mil vezes a mesma música, danço na frente do espelho. Tenho medo do escuro. Choro fácil. Tenho sorrisos tímidos e olhares provocantes. Ás vezes acordo achando a vida desbotada, sem cor, e sinto-me apodrecer por dentro, nesses dias, tenho a certeza que meu coração parou e minha alma resolveu tirar férias, além de me encontrar vazio de pensamentos e sentimentos. Odeio injustiças, falta de caráter, ingratidão, traição e algumas pessoas que ocupam todo o seu tempo se metendo na vida dos outros. Gosto do perfume exalado por outros corpos, beijos lentos e abraços apertados. Estou sempre lendo. E a música já virou rotina na minha vida.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s