Padrão

A Carolina postou algo que é exatamente o que eu penso e sinto, então foi Ctrl C/Ctrl V, mas claro, há um pitada de dramaticidade minha..hehe Créditos by #carolda (Carolina)

Se tem uma coisa que eu odeio é me arrepender do que não fiz. Porque daí um nó vem subindo lá do meu estômago e insiste em tentar me sufocar. Acontece, meu querido nó, que não quero perder meu tempo me sufocando com besteiras, então morra de uma vez.
Só sei que cansei disso tudo. Do meu quarto constantemente bagunçado; por mais que eu arrume, a bagunça continua lá. Daquela parede manchada. Dessa casa. Dessa cidade. Dessas pessoas de sempre. De sentir saudade. De querer abraçar quem está longe. De estar longe. De estar insatisfeita(o). De querer e não fazer. De querer e não poder. De poder e não querer. De ter preguiça. De ter vontade de chorar porque alguém me fez rir; chorar porque ela me deixou feliz. Um simples gesto, um sorriso de cumplicidade, me fez ter vontade de chorar. Senti meus olhos marejados; mas antes que qualquer emoção besta tomasse conta de mim, me lembrei que rir era melhor. Mesmo que a graça da piada já não estivesse mais ali. Um tá rindo de quê é melhor do que um tá chorando por quê. Porque quando eu rio de nada, eu sou só mais uma idiota feliz no mundo. Que vê humor onde não tem. Que tem um humor peculiar. Mas se choro por nada, tenho problemas. Sérios. Daqueles que só podem resolvidos por um profissional.
Primeiro é preciso reconhecer o sentimento que nos toma, e só então, decidir o que vamos fazer com ele. No momento eu me olho no espelho e admito que eu Amo, mas que não sou amado (a) da mesma forma. Reconheço que quero um alguém que não me quer, que não me toma, que não me bebe, que não sente sede de mim. Reconheço que dói. E me pergunto o que fazer. Não sei o que fazer. E não quero pensar no momento.  Quero apenas viver e conviver com a dor e a saudade constante. Com o passar dos dias eu a sufoco aos poucos, até que ela novamente esteja submerssa, escondida em algum lugar dentro de mim. Acredito que existem sentimentos que não morrem, apenas ficam escondidos, reclusos em algum lugar dentro de nós. Enfim, apesar de doer, o sentimento não mata. Com a rotina tudo “volta ao normal”. É apenas mais uma armadilha da vida. Quando estamos navengando em mares calmos, ela nos manda ondas com as quais possamos nos movimentar, não importa se isso irá ou não nos fazer naufragar. Nade, é o que ela diz. Mas, eu quero flutuar. Então, eu sigo cheio(a) de cansaços, de quereres, de vontades não satisfeitas, de desejos não realizados, de sonhos despedaçados, de amores desprezados, de uma felicidade que é estranha a mim, e a vontade de ficar, e o medo de partir, me paralizam.

Anúncios

Sobre Vernon Kirke

Eu sou pagão e vivencio minha religião. Sou a parte de um todo. Sou único e complexo. Eu me completo, me basto e me satisfaço. Sou capaz de mudar de ideia como mudo de roupa. Amo na mesma intensidade com a que posso odiar. Gosto de amigos sinceros e amores intensos. Gosto do vento que anuncia a chuva, gosto do barulho da chuva e do ar melancólico que ela causa no ambiente. Gosto quando o vento embaralha meus sentimentos e confundi minhas ideias. Sonho e realizo muito. Escuto mil vezes a mesma música, danço na frente do espelho. Tenho medo do escuro. Choro fácil. Tenho sorrisos tímidos e olhares provocantes. Ás vezes acordo achando a vida desbotada, sem cor, e sinto-me apodrecer por dentro, nesses dias, tenho a certeza que meu coração parou e minha alma resolveu tirar férias, além de me encontrar vazio de pensamentos e sentimentos. Odeio injustiças, falta de caráter, ingratidão, traição e algumas pessoas que ocupam todo o seu tempo se metendo na vida dos outros. Gosto do perfume exalado por outros corpos, beijos lentos e abraços apertados. Estou sempre lendo. E a música já virou rotina na minha vida.

Uma resposta »

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s